Vários meios de comunicação especializados informaram que Rhyno anunciou sua aposentadoria no Monday Night Raw. O Superstar se despediu do público com uma promo curta, exclusiva para quem estava na arena, tendo sido feita durante o intervalo comercial após sua luta.

No show, Rhyno foi forçado a enfrentar o ex-companheiro de equipe Heath Slater, sob a condição de que o perdedor fosse demitido do Raw. A luta mal excedeu o minuto, e nela, Slater conseguiu levar a vitória graças a um Neckbreaker. Após a demissão de Rhyno, o Baron Corbin disse a Slater que, de fato, ele permaneceria na brand vermelha, mas trabalhando como árbitro.

Por outro lado, o portal PWInsider garante que esta manhã Rhyno ainda estava agendado para a turnê latino-americana que começará amanhã em Santiago do Chile. Neste momento, o Superstar não está entre os talentos confirmados pela WWE para o show em seu site, embora os planos internos da empresa sejam desconhecidos.

Com este anúncio, Rhyno encerra uma carreira de mais de vinte anos como lutador profissional em empresas como ECW, TNA e WWE.