Pentagón Jr. novo campeão mundial; Eli Drake e Scott Steiner conquistam títulos de tag team


Data: 22 de abril de 2018
Arena: Impact Zone
Localidade: Orlando, Flórida



Aerostar vs. Drago
Autêntico combate de lucha libre, com muitas acrobacias e grapples mas poucos strikes, que são a essência de uma luta legítima. No fundo, uma autêntica dança, com vários spots agradáveis à vista mas sem a coerência do wrestling norte-americano.
Depois de um botch numa primeira tentativa, Aerostar conseguiu a vitória após um Springboard Codebreaker.
Vencedor: Aerostar
Nota: 5/10


Impact World Tag Team Championship:
The Latin American Xchange (Santana e Ortiz) (c) vs. Eli Drake e Scott Steiner
Combate com muito barulho, provocações e que demorou algum tempo até encontrar um rumo. Depois de Scott Steiner ter conseguido brilhar durante vários minutos, os LAX deram a volta e estavam no caminho da vitória, mas em vez de Santana avançar para o Doomsday Device em Eli Drake, resolveu voar para cima de Steiner que estava de fora do ringue. Resultado: Eli Drake aproveitou a situação de um para um com Ortiz e conseguiu aplicar um golpe final.
Vencedores: Eli Drake e Scott Steiner (novos campeões)
Nota: 5/10


Taiji Ishimori vs. Dezmond Xavier vs. El Hijo del Fantasma vs. Brian Cage vs. DJZ vs. Trevor Lee
Combate que estava a ser pautado pela velocidade e agilidade dos lutadores, até a entrada de Brian Cage em cena mudar a paisagem, com a introdução da força bruta.
Apesar de Cage ter característica que lhe permitiam dominar um combate, o facto de haver seis lutadores em ringue deixou-o vulnerável a ataques, que podiam surgir de qualquer lado. Ainda assim, The Machine acabou por levar a melhor, após um Drill Claw [Vertical suplex piledriver] em Dezmond Xavier.
Vencedor: Brian Cage
Nota: 7/10


Taya Valkyrie vs. Kiera Hogan
Combate dividido, com a vitória a sorrir à mais poderosa Taya Valkyrie após uma espécie de Glam Slam.
Vencedora: Taya Valkyrie
Nota: 4/10


Impact X Division Championship:
Matt Sydal (c) vs. Petey Williams
Um dos combates pelo qual ansiava, com um começo pautado pelo chain wrestling. Petey Williams desde cedo que procurou o Canadian Destroyer, mas Matt Sydal foi evitando o golpe. A dada altura, o candidato principal conseguiu aplicar o seu finisher, mas o campeão acabou por rolar para fora do ringue e evitar o pin fall.
Petey voltou a tentar o Canadian Destroyer, primeiro a partir da corda superior e depois no centro do ringue, mas Sydal voltou a evitar o golpe e executou um Here It Is Driver [Pumphandle half nelson driver] vitorioso.
Vencedor: Matt Sydal
Nota: 6,5/10


House of Hardcore match:
Ohio Versus Everything (Dave Crist, Jake Crist e Sami Callihan) vs. Tommy Dreamer, Moose e Eddie Edwards
Dreamer, Moose e Edwards não perderam tempo e partiram logo para o ataque, ainda os Ohio Versus Everything estavam a entrar em ringue.
Entretanto, os OVE conseguiram dar a volta ao texto e iniciar um período de domínio, encontrando forma de estar em situações de superioridade numérica para infligir danos.
Numa fase em que tudo apontava para Eddie Edwards sofrer a derrota, Moose interferiu, evitou o pin fall e atingiu os adversários com um caixote do lixo.
Depois disso, instalou-se o caos total, com golpes impactantes de parte a parte. Sami Callihan esteve perto de derrotar Eddie Edwards após um Cranial Contusion, mas não foi além da near fall. Acabou por ser apenas o adiamento da decisão, uma vez que Callihan bateu Dreamer após um low blow.
Depois do combate, Eddie Edwards atacou Sami Callihan, fazendo-o sangrar através do uso de um bastão envolto em arame farpado e atacando-o com um singapore cane. Completamente louco, Eddie Edwards desatou a atacar toda a gente. A mulher dele, Alisha, tentou travá-lo, mas acabou por também ser atingida por um singapore cane.
Vencedores: Ohio Versus Everything (Dave Crist, Jake Crist e Sami Callihan)
Nota: 7/10


Impact Knockouts Championship:
Allie (c) vs. Su Yung
Su Yung começou por atacar Allie um pouco à traição e acabou por dominá-lo durante alguns minutos. Depois, a campeã conseguiu o comeback e foi equilibrando o duelo. Após arrumar com Braxton Sutter, que passou o combate a interferir a favor de Yung, Allie alcançou o triunfo após um Sunset Flip.
Vencedora: Allie
Nota: 5/10


Impact World Championship:
Austin Aries (c) vs. Pentagón Jr. vs. Rey Fenix
Situação ingrata para Austin Aries, a defender o título diante de dois irmãos. Os pretendentes ao ouro impuseram um estilo de lucha libre, enquanto o campeão foi igual a si próprio.
Sempre que dois wrestlers entravam em confronto e um parecia que estava a levar a melhor, o terceiro aparecia para evitar o fim do combate.
Num dos momentos altos da contenda, Austin Aries aplicou um 450 Splash nos dois adversários em simultâneo, mas não conseguiu o assentamento vitorioso em algum. Os irmãos reagiram, aplicaram-lhe uma série de Superkicks, mas quem sobressaiu foi Pentagón Jr., que aplicou alguns dos seus potentes golpes para alcançar o triunfo.
Vencedor: Pentagón Jr. (novo campeão)
Nota: 7,5/10