Dalton Castle retém o título mundial em noite em que os Briscoes e os So Cal Uncensored de sagram campeões



Data: 9 de março de 2018
Arena: Sam’s Town
Localidade: Las Vegas, Nevada




Flip Gordon vs. Hiromu Takahashi
Combate que começou com chain wrestling e foi aumentando gradualmente a intensidade e o impacto dos golpes, com Takahashi a conseguir o triunfo após ter aplicado o seu finisher na sequência de uma reta final com alguma emoção.
Vencedor: Hiromu Takahashi
Nota: 6/10


Combate para determinar o candidato principal ao ROH World Championship:
Punishment Martinez vs. Marty Scurll
Início de combate a todo o gás com Marty Scurll ao ataque, mas rapidamente a obter resposta por parte de Punishment Martinez, que mostrou mais uma vez que sabe voar.
A dada altura, Martinez procurou voar para cima de Scurll quando este se encontrava deitado numa mesa fora do ringue, mas Scurll desviou-se e Martinez encontrou uma autêntica piscina sem água. Pouco depois, Scurll aplicou um pontapé onde dói mais e avançou para o pin fall vitorioso.
Vencedor: Marty Scurll
Nota: 6,5/10


ROH World Television Championship:
Kenny King (c) vs. Silas Young
Combate que foi aumentando progressivamente a sua intensidade, conhecendo um momento alto quando Kenny King aplicou um Suplex a Silas Young para fora do ringue, mas acabou também por cair desde a corda superior.
Depois de terem trocado alguns golpes duros, começaram a procurar os signatures e os finishers. A dada altura, Silas Young executou um Misery, mas o árbitro ficou combalido depois de ter ido ao encontro dos pés de Kenny King e demorou a contar o assentamento. Seguiram-se algumas tentativas de pin fall rápido e o Royal Flush vitorioso para o campeão.
No final, apareceu Austin Aries a dar conta da sua vontade em conquistar o ROH World Television Championship.
Vencedor: Kenny King
Nota: 6,5/10


Las Vegas Street Fight pelo ROH World 6-Man Tag Team Championship:
The Hung Bucks (Adam Page e The Young Bucks [Matt e Nick Jackson]) (c) vs. So Cal Uncensored (Scorpio Sky, Christopher Daniels e Frankie Kazarian)
Os Hung Bucks não perderam tempo e abriram as hostilidades com Suicide Dives para cima dos adversários, que se encontravam fora do ringue. A ação continuou no interior do squared circle, com os campeões a permanecerem na mó de cima durante algum tempo.
Sem pouparem nas armas, os intervenientes foram utilizando o que estava mais à mão para provocar danos nos adversários, como caixotes do lixo e kendo sticks. Nesta fase, iam emergindo os So Cal Uncensored.
No entanto, a intensidade e o impacto dos golpes foi aumentando gradualmente, e o caos tomou conta do ringue. Daniels foi projetado para cima de uma estrutura de barreiras de proteção e Nick Jackson mergulhou do topo de um escadote para um Elbow Drop em cima de Kazarian, que estava deitado numa mesa fora do ringue. No interior do ringue, Matt Jackson esteve quase a assegurar a vitória para a sua equipa depois de um 450 Splash para cima de Scorpio Sky com um caixote do lixo pelo meio, mas Dave Taylor impediu o pin fall vitorioso.
Ao perderem tempo a tentar arrumar Dave Taylor, os Hung Bucks permitiram que os adversários se restabelecessem. Com Adam Page preso a um dos cantos com fita-cola, Matt Jackson não resistiu a uma dupla submissão imposta por Scorpio Sky e Kazarian com um kendo stick à mistura, e acabou por desistir.
Vencedores: So Cal Uncensored (Scorpio Sky, Christopher Daniels e Frankie Kazarian) (novos campeões)
Nota: 7,5/10


Cody vs. Matt Taven
Combate entretido, com ritmo alto, técnica e dois lutadores que sabem o que fazer. Mais matreiro, Matt Taven procurou provocar, causar distrações e jogar sujo para obter vantagem.
Cody aplicou o Beautiful Disaster e Taven o Climax, mas nenhum conseguiu a vitória depois do respetivo finisher. Taven procurou aproveitar uma interferência exterior para sentenciar o triunfo, mas acabou Cody a sair vitorioso, depois de um Cross Rhodes.
Depois do duelo, Cody foi atacado pelo urso que o acompanhava, que afinal era… Kenny Omega.
Vencedor: Cody
Nota: 6/10


ROH World Tag Team Championship:
The Motor City Machine Guns (Alex Shelley e Chris Sabin) (c) vs. The Briscoes (Jay e Mark Briscoe)
Mais um início de combate a todo o gás, com a ação a começar ainda fora do ringue. Entre duas das melhores equipas do business, o espetáculo só podia ser de qualidade.
A dada altura, os Motor City Machine Guns encarrilaram e aplicaram vários golpes de empreitada, entre os quais um Cradle Shock de Sabin que quase deu a vitória aos campeões. Porém, esse momentum esfumou-se quando Sabin acertou com um Dropkick em Shelley e colocou o companheiro fora de combate. Aproveitaram os Briscoes para infligir dor em Sabin e aplicar-lhe um Doomsday Device para sentenciar o triunfo e conquistar os títulos pela nona vez.
Vencedores: The Briscoes (Jay e Mark Briscoe) (novos campeões)
Nota: 6,5/10


ROH World Championship:
Dalton Castle (c) vs. Jay Lethal
Muito chain wrestling no início, mas a um ritmo alto, com boas combinações e sequências. Depois, a intensidade baixou um pouco, mas aumentou o impacto dos golpes, com voos para fora do ringue e projeções.
Numa fase em que o cansaço já se fazia sentir, ambos começaram a procurar os respetivos finishers. Porém, Lethal viu por duas vezes negado o Lethal Injection. E o campeão, por sua vez, tentava pin falls rápidos. À terceira tentativa, Lethal lá conseguiu o Lethal Injection e avançou para o assentamento, mas não passou da near fall.
Frustrado, Lethal tentou um Cutter na borda do ringue, mas acabou por sofrer um German Suplex para fora do ringue. De regresso ao squared circle, ambos começaram por trocar strikes enquanto cambaleavam. Lethal voltou a tentar o Lethal Injection, mas foi Dalton Castle a conseguir aplicar o Bang-A-Rang que lhe haveria de dar a vitória.
No final, Marty Scurll foi confrontar o campeão.
Vencedor: Dalton Castle
Nota: 6,5/10